Criteria Weekly – Tudo sobre o mercado: inflação e rombo nas Americanas

O mês de janeiro já trouxe impacto para vários mercados, inclusive o brasileiro. Confira as principais notícias sobre o mercado brasileiro, com temas como o rombo nas Lojas Americanas, inflação, reversão de déficit, além de notícias dos principais players econômicos do mundo!

ÍNDICES GLOBAIS, MOEDAS E COMMODITIES

macroeconômicos-weekly-criteria-partners-investimentos-china-notícias-mercado

BRASIL

AJUSTE FISCAL

Fernando Haddad anunciou medidas com potencial de reverter o déficit das contas primárias. A expectativa do governo é terminar o ano com as contas no azul, em R$ 11,13 bilhões de superávit primário, apesar do rombo atual. O orçamento deste ano tem previsão de déficit de R$ 231,5 bilhões. Dentro destas medidas inclui:

  • Desvincular o COAF do Banco Central e recoloca na estrutura do Ministério da Fazenda;
  • Exclui o ICMS do cálculo do PIS/Cofins;
  • Institui o Programa Litígio Zero (renegociação de dívidas tributária) para pessoas físicas, micro e pequenas empresas inadimplentes.

AMERICANAS

A área contábil da Americanas identificou a existência de operações de compras feitas pela companhia em valores de R$ 20 bilhões. Os valores, porém, não se encontram adequadamente refletidos na conta
fornecedores nas demonstrações.

Depois da derrocada de mais de 77% na véspera, com a empresa perdendo R$ 8,4 bilhões de valor de mercado, as ações (AMER3) tiveram uma recuperação parcial nesta sexta-feira (13), fechando a R$ 3,15.

DRIVERS MACROECONÔMICOS

A inflação surpreendeu em dezembro, encerrando o ano de 2022 com alta nos preços de 5,79%, ante expectativa mediana do mercado de 5,6%. O Banco Central enviou uma carta ao presidente república projetando IPCA de 5% em 2023 e 3,5% em 2024, retornando a meta de 2% somente em 2025.

A queda mensal de 0,55% do Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br) em novembro, considerado um termômetro para o PIB, surpreendeu negativamente os economistas e trouxe de volta ao cenário o risco de recessão técnica, caracterizado por dois trimestres seguidos de queda.

ESTADOS UNIDOS

COMEÇOU A TEMPORADA DE RESULTADOS COM OS BANCOS

Como de costume, a temporada de resultados iniciou nos EUA com o setor financeiro; JP Morgan, Citigroup e Wells Fargo passaram mensagens mistas.


Enquanto o JP Morgan e Citigroup sobressaíram as expectativas do mercado, com lucros acima do consenso, o Wells Fargo ficou aquém.


O que mais preocupou o mercado foi o alto consumo dos clientes, que estão tomando crédito a taxas elevadas e aumentando o nível de inadimplência. Os três bancos passaram perspectivas ruins para a
economia norte-americana ao longo de 2023.

“A economia dos Estados Unidos atualmente permanece forte, com os consumidores ainda gastando dinheiro em excesso e os negócios saudáveis. No entanto, ainda não sabemos o efeito final dos ventos contrários vindos das tensões geopolíticas, incluindo a guerra na Ucrânia, o estado vulnerável de suprimentos de energia e alimentos, persistente inflação que está corroendo o poder de compra e elevou as taxas de juros, e o aperto quantitativo sem precedentes”, disse o presidente-executivo – Jamie Dimon (J.P. Morgan).

DRIVERS MACROECONÔMICOS

A inflação (CPI) retraiu -0,1% em dezembro, atingindo 6,5% no acumulado de 12 meses. O núcleo da inflação, que exclui preços de energia e alimento, apresentou alta de 5,7% no mesmo período. Os dados vieram em linha com as expectativas do mercado.

Os números de pedidos iniciais de seguro-desemprego dos Estados Unidos registraram 205 mil, vindo abaixo do consenso projetado por analistas, de 210 mil.

CHINA

COVID – 19

Dezenas de países impuseram restrições aos viajantes da China, enquanto a covid19 continuava a devastar o país. Em retaliação, a China parou de emitir vistos de curto prazo para pessoas da Coreia do Sul e do Japão, que impuseram algumas das medidas mais rigorosas. A OMS disse que as estatísticas oficiais da China representam menos do que o verdadeiro impacto da covid no país.

DRIVERS MACROECONÔMICOS

O índice de preços ao consumidor (CPI) da China subiu 1,8% em dezembro em relação ao mesmo mês do ano anterior, ficando em linha com o aumento esperado. Já o índice de preços ao produtor (PPI) recuou 0,7% em dezembro em relação ao ano anterior, ficando abaixo da previsão de estabilidade (0%) dos economistas consultados.

REINO UNIDO

PIB do Reino Unido tem alta de 0,1 em novembro. O resultado superou as expectativas dos economistas, que previam uma contração de 0,2%.

ZONA DO EURO

MARKETING AMBIENTAL

Marketing ambiental é enganoso em metade dos produtos vendidos na UE conforme a Comissão Europeia que se prepara para combater a “lavagem verde” no marketing.

Um órgão de vigilância antitruste britânico começou a investigar marcas de moda, entre as quais a Asos e a Boohoo após análise de “afirmações verdes potencialmente enganosas” feitas por varejistas do setor.

DRIVERS MACROECONÔMICOS

CPI da França recua 0,1% em dezembro, com menor pressão dos preços de energia. Na comparação anual, os preços ao consumidor subiram 5,9%, após atingirem 6,2% em novembro; núcleo ficou em 5,3%.

PERU

Os protestos contra o governo da presidente peruana, Dina Boluarte, se espalhavam nesta quinta-feira por 10 dos 24 Departamentos (províncias) do país. O incidente mais grave desde a noite da véspera ocorreu em Cusco, onde os manifestantes tentaram invadir o aeroporto local e um deles foi morto nos
choques com as forças de segurança.

Pelo menos 48 pessoas morreram desde o início dos protestos, em 7 de dezembro, quando o então presidente Pedro Castillo tentou desfechar um golpe de Estado e acabou destituído pelo Congresso. A Câmara de Comércio de Lima (CCL) estimou que os protestos devem causar um impacto negativo de 0,2 ponto percentual no crescimento da economia peruana em 2022.

As principais notícias macroeconômicas e atualizações da semana sobre o mercado e que impactaram seus investimentos você confere na Criteria Weekly!

A Criteria Weekly é uma ação da Criteria Investimentos. Semanalmente novos dados e notícias são publicadas e atualizadas. Continue acompanhando nossos conteúdos e saiba tudo sobre os drivers macroeconômicos, notícias e outros assuntos!

Confira nossos Posts Recentes

Abra uma conta para você ou sua empresa

Fale com um assessor e entenda todas as nossas soluções.

Este site utiliza cookies para te proporcionar uma melhor experiência. Ao continuar navegando você aceita nossa Política de Privacidade.